Uma vez recolhida a amostra procede-se ao seu estudo. Este consiste em resumir toda a informação contida na amostra construindo tabelas e gráficos, e determinando algumas características amostrais (estatísticas). Este estudo descritivo dos dados é o objectivo da Estatística Descritiva

     No entanto, ao estudar uma amostra tem-se, normalmente, como objectivo final inferir para a população as propriedades estudadas na amostra .

    Assim o objecto de estudo estatístico pode ser o de estimar uma quantidade ou testar uma hipótese, utilizando-se técnicas estatísticas convenientes, as quais realçam toda a potencialidade da estatística, na medida em que vão permitir tirar conclusões acerca de uma população, baseando-se numa pequena amostra dando-nos ainda uma medida do erro cometido.

    Ao inferirmos para a população as propriedades estudadas na amostra ,entramos na Estatística Indutiva ou Inferência Estatística. Muitas das inferências feitas são imperfeitas por terem, a maior parte das vezes, como base dados imperfeitos.

 

Sugestões didácticas :

        1.   Recorde aos seus alunos a forma como as previsões são dadas em noite de eleições, sob a forma de intervalos. Poderá referir que por vezes a guerra de audiências faz com que estas previsões tenham pouca sentido, por apresentarem intervalos com grande amplitude que a sua precisão, como estimativas das percentagens pretendidas, é muito pequena. Isto porque as amostras utilizadas para a construção dos intervalos têm uma dimensão muito reduzida, havendo assim muito pouca informação disponível.

         2.   O aluno deverá ser capaz de distinguir a Estatística Descritiva da Estatística Indutiva em exemplos práticos. Tome nota:

   

                a]   Um lote de 100 aparelhos de televisão considera-se em bom estado para venda se ao serem testados 10 eles não apresentarem deficiências.

        Temos aqui um exemplo de Inferência Estatística. De uma amostra de 10 televisores infere-se para a população do lote de 100. Acredita-se, com base na teoria da Inferência Estatística, que se 10 televisores aleatoriamente seleccionados ao acaso estiverem todos bons, então o mesmo deve acontecer aos restantes.

       b]   Um teste à opinião revelou que 65% da população portuguesa apoiava um determinado candidato para Presidente da República. Se esse candidato se apresentar à eleições, é de esperar que ele ganhe.

        Temos novamente aqui um exemplo de Inferência Estatística. Sendo a amostra representativa da população de todos os eleitores portugueses, então é de esperar que o que se passa na amostra se passe na população e portanto que mais do que 50% dos portugueses votem nesse candidato.

       c]   Os 120 empregados de uma fábrica ganham em média 100 mil escudos por mês.

        Aqui temos apenas um problema de Estatística Descritiva visto que a informação foi feita com base nos dados relativos ao salário de todos os empregados da empresa.

        d]   Baseados numa amostra de 500 trabalhadores de uma empresa de construção civil, acredita-se que a média dos salários dos trabalhadores de esse ramo é de 110 000$00. Como apenas se estudou o salário de uma amostra de trabalhadores da empresa estamos perante um problema de Inferência Estatística.

 

Página Anterior

Página Inicial